Employee Experience: quais os benefícios da experiência do colaborador?

Por Social Bank 24 jun 21

Employee experience (experiência dos colaboradores, em português) é o resultado das interações do funcionário com a organização. Elas englobam pessoas, processos, propósitos, aprendizados e comportamentos que as condições laborais provocam no indivíduo.

Essa interação interna foi elaborada para a equipe de profissionais atuar com engajamento e satisfação. Ou seja, é o esforço de estabelecer um ambiente empresarial em que as pessoas trabalhem de forma prazerosa.

Isso abrange toda a vivência do capital humano na companhia, como recrutamento, integração, rotina de trabalho e relacionamento com colegas e lideranças. Além disso, abrange os benefícios individuais que a companhia oferece aos seus colaboradores a fim de retê-los e fidelizá-los, diminuindo absenteísmo e rotatividade.

Pensando nisso, reunimos as vantagens que o employee experience aliado à gestão de pessoas pode trazer para o seu negócio a médio e longo prazo. Confira!

Vantagens do employee experience

Conheça os motivos que levam à adesão dessa prática nas empresas.

Deixa a equipe mais engajada

Essa condição melhora a cultura organizacional, o que gera bem-estar físico, favorece o psicológico e otimiza a rentabilidade do negócio. Como o alvo é o funcionário, a companhia mobiliza recursos para o time, em um esforço de gerar satisfação e alta performance. O objetivo é fazer com que os profissionais fiquem mais engajados em suas atividades e tragam resultados competitivos.

Atrai talentos

O employee experience tem o poder de transparecer suas vantagens para o mercado profissional, o que é essencial para atrair talentos. Existe uma escassez de cargos e funções que afetam diversos segmentos da indústria, fazendo com que candidatos sejam mais exigentes sobre onde pretendem trabalhar. Mais do que nunca, as companhias estão disputando entre si para atrair os melhores funcionários e, neste cenário, a experiência oferecida no ambiente laboral pode ser decisiva.

Essa estratégia pode reduzir o turnover e reter colaboradores. Por isso, quem se destaca e garante melhores condições retém capital humano para o sucesso da empresa como um todo, além de tirar a concorrência da zona de conforto.

Aumenta a qualidade de vida do colaborador

Hoje, a busca pela saúde mental é quase unânime, especialmente no âmbito trabalhista. Logo, melhorar a qualidade de vida dos funcionários é fundamental, pois traz diversos benefícios em cadeia. Afinal, pessoas contentes atuam melhor e trazem bons resultados. Assim, todo mundo sai ganhando, tanto a empresa quanto o empregado.

Melhora o clima interno

A satisfação da equipe pode ser medida pelo clima interno. Em geral, profissionais satisfeitos mantêm uma boa relação com os seus colegas. Sem falar que essa condição permite a empresa avaliar seu próprio vínculo com os funcionários. Dificilmente as insatisfações dos funcionários não sofrerão impacto na rotina de trabalho.

Além disso, um ambiente interno proveitoso é essencial para promover colaboração e entrosamento entre times e departamentos, favorecendo a criatividade e a proatividade — o que permite executar atividades de alto nível competitivo.

Melhora a produtividade

A produtividade das equipes é fortemente impactada pelo grau de contentamento que o emprego proporciona. Funcionários insatisfeitos não terão motivação e engajamento suficiente para atingirem uma performance superior.

Quando a companhia fica engajada em garantir uma experiência memorável para o seu público interno, esta conduta é percebida por ele, transformando-se em um diferencial que melhora sua capacidade produtiva. Isso é indispensável para aprimorar a qualidade das entregas.

Valoriza a marca

Uma companhia que investe em ações de employee experience tem sua marca valorizada tanto interna quanto externamente. O reconhecimento como um empreendimento que cuida do bem-estar dos seus talentos, que oferece uma experiência agradável e compensadora para o seu capital humano tem grandes chances de valorização.

Para o mercado profissional, essa imagem serve como um atrativo para novas pessoas fazerem parte da equipe em troca da experiência oferecida. Esse efeito gera o chamado employer branding, que é uma série de estratégias que fazem uma companhia se destacar como um bom lugar para se trabalhar.

Estimula conexões sociais

A socialização é um recurso primordial para a felicidade das pessoas que trabalham na empresa. É por isso que as instituições precisam investir em formas de estimular as conexões sociais, como o employee experience. Essa prática incentiva a socialização de forma orgânica.

Confraternizações de datas especiais, comemorações de aniversários (aniversariantes do mês) e ambientes que favorecem o desenvolvimento de amizades, tudo isso faz parte de uma companhia que preza pela experiência do funcionário.

Garante a satisfação do cliente

Por fim, chegamos aos consumidores, para os quais sua empresa deseja oferecer uma experiência memorável. Atingir esse patamar mercadológico é mais fácil se os seus colaboradores já estão satisfeitos.

Isso ocorre porque um time contente transparece seu próprio encantamento para a clientela. Quanto mais sólido é o employee experience, maior será a motivação da equipe em proporcionar o mesmo ao público consumidor.

Como implementar ações de employee experience na sua empresa

Para que essa estratégia seja implementada com eficiência na sua instituição, basta adotar algumas ações específicas. São elas:

  • levantamento do perfil dos funcionários: por meio da ouvidoria, gestores e líderes podem contemplar críticas, opiniões, ideias, reclamações e sugestões que revelam o que a equipe espera da empresa;
  • construção de um ambiente flexível: a flexibilidade na gestão de pessoas gera satisfação nos colaboradores. A companhia pode otimizar os processos internos para que fiquem mais agradáveis ao time;
  • mapeamento da jornada do funcionário: avaliar as fases da estadia dos profissionais na companhia, como admissão, integração, adaptação, desenvolvimento, promoção e desligamento. Assim, é possível detectar fatores que devem ser aprimorados ou implementados para promover uma experiência laboral de qualidade;
  • criação de um plano de carreira: quando os talentos entram na empresa, é importante definir a carreira profissional que cada um pode percorrer. Outro ponto relevante é apresentar o que a companhia faz para impulsionar a permanência do time, como o oferecimento de cursos, treinamentos, mentoria etc.

Ao conhecer as vantagens do employee experience, é bem provável que você está a fim de promover essa estratégia na sua empresa. Por fim, vale citar a necessidade de oferecer bonificações compatíveis com as necessidades do seu time de talentos para melhorar a experiência e gerar fidelizações de longo prazo.

Para isso, confira as 4 melhores práticas da gestão de benefícios para implantá-la de forma estratégica e viável na sua instituição.

Facebook Comments Box
Fechar