Os profissionais da área de gestão de pessoas entendem como a contratação de um novo colaborador pode ser um processo arriscado. Desafios com a adaptação, altos índices de rotatividade e problemas de desempenho podem ser solucionados pelo desenvolvimento de um RH estratégico.

A maioria das empresas entende que para permanecer competitiva é preciso inovar. Esse fator pode ser observado no desenvolvimento de novos produtos e serviços ou no aprimoramento dos processos de trabalho. Contudo, é essencial lembrar quem torna esse resultado possível: a equipe. Isso quer dizer que a relação entre a empresa e a equipe que a compõe tem potencial para se tornar positiva e duradoura com a aplicação de táticas corretas.

Se você busca mais interação entre as áreas, este conteúdo foi feito para você. Leia mais!

Adote a metodologia de Endomarketing

Esse é um conceito que também é chamado de Employer Branding. Com certeza, você já está familiarizado com os princípios do marketing voltados para os produtos e para a marca. Contudo, a prática do marketing interno tem se tornado cada vez comum, pois:

  • possibilita a retenção de talentos;
  • cria uma reputação positiva no mercado;
  • atua para atrair profissionais qualificados; e
  • aumenta o grau de satisfação dos colaboradores.

Desse modo, os profissionais não só querem trabalhar na sua empresa como não tem interesse em sair. Isso ocorre porque há um senso de valorização e expectativa de crescimento que assegura essa lealdade.

Incentive a comunicação entre áreas

Muitas empresas têm uma cultura de isolamento, na qual há a impressão de que cada área atua de forma individualizada. Isso não poderia estar mais longe da verdade, o que realmente existe é uma relação de interdependência que deve ser explorada.

Por esse motivo, é fundamental incentivar a comunicação e a criação de ideias. Essa é uma medida que pode ser colocada em prática por meio da utilização de sistemas de gestão integrada, que permitem o compartilhamento de informações importantes. Como resultado, é possível consultar e avaliar dados relacionados a finanças, compras e vendas, por exemplo.

Qualifique a tomada de decisões estratégicas

Os comportamentos da equipe em seu ambiente de trabalho têm relação direta com os resultados da empresa e, por isso, devem ser considerados. Imagine que você tem uma vaga para contratar um gestor, você já conhece o perfil da equipe que é autônoma, criativa e focada em resultados.

Com base nessas informações, fica claro como o perfil do líder deve ser compatível para construir um relacionamento favorável e conduzir os funcionários a um novo patamar em termos de resultados. Essa é a função do People Analytics, uma metodologia que busca entender e coletar dados e analisar o comportamento das pessoas para subsidiar a tomada de decisão.

Acompanhe os resultados da área

A empresa que busca aprimorar os seus resultados deve, em primeiro lugar, conhecer qual é a real situação da área de recursos humanos. É importante começar com a realização de um diagnóstico, que busca identificar as atividades que apresentam problemas ou maior índice de erros.

Em seguida, deve-se criar indicadores de performance relacionados:

  • a taxa de absenteísmo;
  • ao clima organizacional;
  • ao índice de rotatividade;
  • ao índice de motivação do funcionário; e
  • ao desempenho individual e em equipe.

Por fim, se é sinergia que você busca com o RH estratégico, nós temos experiência no assunto. Para conhecer mais, siga as nossas redes sociais! Estamos no Facebook, Linkedin e Twitter.